Técnica japonesa te ajuda a poupar até R$ 800 por mês!

Gerenciar as finanças é uma verdadeira arte.

Sabemos como é difícil chegar ao fim do mês com um saldo positivo, com aquela grana sobrando. E foi buscando inspiração para sair do vermelho que encontramos no povo mais organizado do mundo (sim, os japoneses!) uma técnica muito simples para gerenciar as finanças.

Se você é acostumado(a) a gastar dinheiro sem saber como gastou, é hora de mudar de hábitos com o Kakeibo.

Mas o que é Kakeibo?

Kakeibo é uma técnica bem antiga adotada pelas donas de casa japonesas para gerir as contas da família. Consiste em anotar, como em um diário, todas as despesas e receitas, tornando transparente o que se ganha e o que se gasta. O autor do livro A arte japonesa de poupar dinheiro, Fumiko Chiba, aborda com simplicidade como as pessoas no Japão conseguem viver de forma minimalista, contentando-se com o que elas têm, sem exageros, definindo metas e gastando com sabedoria. E é assim que os adeptos do Kakeibo controlam seus gastos e poupam dinheiro.

Como começar a técnica

Primeiramente disciplina. Assim, fica mais fácil de iniciar a rotina que se baseia em escrever as receitas e despesas. Comece anotando o dia do pagamento do seu salário e o valor. Após isso, anote as contas fixas (aluguel, mantimentos, contas de água, luz, internet, poupança, lazer, etc.). Divida cada item categorizando tudo o que você gasta todos os dias: de um cafezinho até uma compra maior. Você conseguirá visualizar tudo e saberá para onde o seu dinheiro está indo.

Pode ser que no começo você não consiga poupar muito, mas a ideia é que perceba o porquê de o dinheiro não render até o fim do mês e, dessa forma, melhorar a sua relação com ele.

A gente já sabe que deixar para guardar o que sobra no fim do mês é um grande erro, não é mesmo?

Por isso, esse diário de economia exige perseverança, por ser trabalhoso, mas saiba que isso não significa que deve deixar de lado a sua vida, apenas reduzir o excesso com muita organização.

É importante dedicar um momento para checar todas as suas despesas, que pode ser no último dia do mês, por exemplo. Verificar quais delas são essenciais e quais são supérfluas (assinaturas de revista, pacotes que aumentam a sua franquia de celular, compras desnecessárias) e ponderar, reduzindo ou eliminando-as.

Muitas pessoas não dedicam tanto tempo ou muita atenção a isso, por não ser uma tarefa fácil. O importante é se esforçar para sair do vermelho, seja com o Kakeibo, seja com outros métodos como o do envelope.

O método do envelope é muito simples e destina-se a um objetivo que você quer alcançar, pode ser para o lazer, por exemplo. Trata-se de dispor de uma quantia para usá-la para o seu objetivo e gastá-la até que acabe, não repondo mais. Isso vai te fazer pensar bem antes de gastar mais do que deve.

Todos os métodos são realmente válidos se houver dedicação e disciplina. É fundamental estabelecer uma boa relação com o seu dinheiro. Identificar os gastos e obter mais ganhos deve ser a meta estipulada para este momento. Muitos estão passando por situações que acarretam no endividamento e sabemos como é difícil liquidar as contas. Você não vai querer entrar para a lista de inadimplentes, não é? O melhor é começar poupando e anotando tudo no seu caderninho.