Que tal redescobrir sua motivação profissional após a aposentadoria?

É preciso ter consciência e entender que o autoconhecimento pode te ajudar a verdadeiramente construir algo em sua vida

Veja este cenário: você se aposentou, descansou, viajou, curtiu famílias e amigos... E agora sobrou tempo demais. Já pensou em retomar alguma atividade profissional, mas falta motivação. Saiba que isso é muito comum entre as pessoas que se aposentam. Elas sentem que ainda podem contribuir profissionalmente, desempenhando novas atividades e, ainda, realizar um sonho antigo, mas não sabem por onde começar.

Para isso, é preciso ter consciência e entender que o autoconhecimento pode te ajudar a verdadeiramente construir algo em sua vida. Em qualquer âmbito, profissional ou pessoal, o autoconhecimento nos dá clareza sobre o porquê das nossas escolhas, tendo uma ampla visão do que somos.

Explorando o seu potencial

Muitos ao nosso redor parecem distraídos, acreditando que algo mágico cairá do céu. Já outros, conseguem obter muitos resultados em suas vidas. O que será que há de diferente nesse quadro?

Sabemos que todos nós temos guardado um enorme potencial, a questão é se realmente ele está sendo explorado, mesmo diante das adversidades. Com isso, respondemos o questionamento acima: muitas pessoas desistem por não acreditar no verdadeiro potencial que possuem, ou ainda deixam de fazer algo, porque está longe de ser conquistado.

A chave para isso é ter energia, foco e querer aprender com o que a vida proporciona. As experiências que você carrega podem te ajudar no desenvolvimento de novas habilidades e te prepararão para determinadas situações.

Veja que é possível aprender e descobrir algo novo com tudo o que vivenciamos. Os momentos em que sentimos dificuldades são os que mais aprendemos sobre nós mesmos – superamos e descobrimos o nosso potencial.

Quem consegue alcançar o que almeja está sempre procurando por conhecimento, por aprender algo novo, para investir em si mesmo, em sua vida. Quanto mais experiências de aprendizado, mais elevamos a nossa autoestima e mais aberto estaremos para explorar novas habilidades.

Para iniciar a busca pela motivação, faça três perguntas e reflita sobre cada uma delas:

  1. O que eu quero aprender?
  2. O que eu quero alcançar?
  3. Quantas vezes estarei disposto a entrar em ação?

Entenda: a base para todas as nossas ações é acreditar em si mesmo. Antes de explorar o seu potencial ao máximo, é preciso, sem dúvida alguma, acreditar em você mesmo. Ninguém fará isso por você.

Exija mais de si mesmo

Busque situações em que se sinta desconfortável, saindo da sua zona de conforto, o que você já está habituado a fazer (mecanicamente ou não), e entre em ação. Não tenha medo de errar, pois são com os erros que nos habilitamos a descobrir novas maneiras de pensar e agir – aprendemos de fato.

Se, mesmo com a reflexão, você ainda não se sente seguro para fazer sua escolha, saiba que é possível ter ajuda de profissionais na sua busca por uma nova motivação profissional. Eles são os coaches (instrutores voltados ao desenvolvimento humano), que utilizam ferramentas para ajudar você a encontrar o que mais te proporciona prazer em executar e, assim, conseguir atingir sua meta profissional.

Entenda que todo esse processo reflexivo será feito de forma suave, humanizada e segura. Por isso, não desista. Vá em frente e acredite em si!

Tags: autoconhecimento carreira motivação potencial

Veja mais